O uso do grafeno na produção de próteses: contributos tecnológicos para a mobilidade e fortalecimentos dos direitos de desenvolvimento de crianças e adolescentes portadoras de necessidades especiais no Brasil

Autor:Michelle Asato Junqueira - Andrea Boari Caraciola - Ana Claudia Pompeu Torezan Andreucci
Páginas:317-336
 
EXTRACTO GRATUITO
CAPÍTULO XIV
O uso do grafeno na produção de
próteses: contributos tecnológicos
para a mobilidade e fortalecimentos
dos direitos de desenvolvimento de
crianças e adolescentes portadoras
de necessidades especiais no Brasil
397 Pós-Doutoranda em Novas Narrativas na Escola de Comunicações e Artes da Uni-
versidade de São Paulo (ECA/USP). Pós-Doutora em Direitos Humanos e Trabalho
pelo Centro de Estudos Avançados da Universidade Nacional de Córdoba, Argen-
tina. Doutora e Mestre pela PUC/SP. Graduada em Jornalismo pela Faculdade de
Comunicação Social Cásper Líbero e em Direito pela Universidade Presbiteriana
Mackenzie (UPM). Professora do Curso de Direito da UPM. Professora do Curso
de Direito da Universidade São Judas Tadeu. Professora Convidada do Curso de
Pós Graduação Lato Sensu da ECA/USP. Participante do Grupo de Pesquisa Mulher,
Sociedade e Direitos Humanos e Líder do Grupo de Estudos de Direitos da Criança
do Adolescente no Século XXI , ambos da Faculdade de Direito da UPM. Sócia e
Produtora Editorial de Projetos Comunicacionais e SocioEducacionais da Agência
Andreucci Comunicação.
398 Pós-Doutora em Democracia e Direitos Humanos pelo Centro de Direitos Huma-
nos –IGC da Faculdade de Direito de Coimbra, Doutora em Direito Processual
Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Mestre em Direito pela
Ana Claudia Pompeu Torezan Andreucci397
Andrea Boari Caraciola398
Michelle Asato Junqueira399
317
«A palavra progresso não terá qualquer sentido
enquanto houver crianças infelizes.»
Albert Einstein
GRAFENO, INNOVACIÓN, DERECHO Y ECONOMÍA
A. C. P. TOREZAN ANDREUCCI  | A. BOARI CARACIOLA  | M. ASATO JUNQUEIRA
318
1. Introdução
Descoberto há cerca de doze anos pelos pesquisadores Andre Geim
e Konstatin Novoselov, da Universidade de Manchester (Grã-Bretanha), o
grafeno possui propriedades que podem levar a grandes avanços tecnoló-
gicos e rupturas com o passado.
Caracterizado como sendo o melhor condutor elétrico já conhecido,
além de resistente, maleável, impermeável e extremamente flexível, as
expectativas com o grafeno não param, sinalizando uma ruptura de pa-
radigma rumo ao futuro tecnológico, eis que é um material tão ou mais
revolucionário do que o silício e o plástico, extremamente forte, leve, fle-
xível. Essa é a caracterização do grafeno, responsável pelo dínamo de uma
nova era industrial!
Nesse contexto de vanguarda e avanços tecnológicos, mister desta-
car que é no Brasil e, mais significativamente, no interior da Universidade
Presbiteriana Mackenzie que encontramos o primeiro centro de pesquisa
de nanotecnologias, focado no grafeno: em julho de 2014 foi inaugurado
o Centro de Pesquisas Avançadas em Grafeno, Nanomateriais e Nanotec-
nologia (MackGraphe).
Universidade Presbiteriana Mackenzie. Professora adjunta de Direito Processual Ci-
vil da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Líder do grupo de pesquisa (CAPES
–CNPQ) «Fundamentos do Processo Civil Contemporâneo». Membro do Instituto
Brasileiro de Direito Processual (IBDP) e do Centro de Estudos Avançados de Pro-
cesso (CEAPRO). Advogada em São Paulo.
399 Doutora e Mestre em Direito Político e Econômico pela Universidade Presbiteria-
na Mackenzie. Especialista em Direito Constitucional com Extensão em Didática
do Ensino Superior. Professora nos Cursos de Graduação e Pós-Graduação «Lato
Sensu» da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Vice-líder do Grupo de Pesquisa
CNPq «Políticas Públicas como Instrumento de Efetivação da Cidadania» e do Gru-
po de Estados «Criança e Adolescente no Século XXI». Pesquisadora no Grupo de
Pesquisa «Estado e Economia no Brasil». Coordenadora de Pesquisa da Faculdade
de Direito da UPM. Avaliadora de diversos periódicos nacionais e autora de diver-
sos artigos e livros jurídicos.

Para continuar leyendo

SOLICITA TU PRUEBA